Clipping

Quais as técnicas de implante mamário?

righi2

A cirurgia de implante mamário também é chamada de mamoplastia de aumento ou cirurgia para colocação de próteses de silicone.

A cirurgia pode ser feita com descolamento submamário (abaixo da glândula mamária, entre o tecido mamário e músculo peitoral), subfascial (entre a fáscia do músculo do peitoral e músculo do peitoral) e submuscular (abaixo do músculo peitoral, entre músculo do peitoral e parede torácica). A escolha do método depende da indicação clínica de cada paciente.

A posição submamária e subfascial são indicadas para pacientes que possuem uma quantidade moderada de tecido mamário. O pós-operatório de ambas as técnicas de implante mamário também costuma ser rápido, a estimativa é de que entre um e dois meses, a recuperação seja completa.

Já a posição submuscular do implante mamário é indicada para pacientes que possuem tecido mamário escasso. A pesar de um tempo de recuperação mais demorado a prótese tem uma cobertura maior de tecidos.
A incisão para introdução do implante pode ser no sulco submamário ( com cerca de 4 cm), na região periareolar ou nas axilas.
Dra Leila Camargo Righi Elias /CRM-PR 17569

Publicado em: Blog Iza Zilli